Arquivo de Tag | Número 19

mergulho

mergulho

transito
pela orla do teu íntimo
num ritmo
que transcende o entendimento
[…]

Anúncios
estágio I

estágio I

não me recordo do dia que nasci
mas creio que foi o dia mais triste
aprender da dor, do apartar
da perda extirpada que é amar
[…]

RAINHA DE IJEXÁ

RAINHA DE IJEXÁ

Hoje eu vim cá na cachoeira, ô mãe
Vim beber do teu amor
O teu canto sereno me chamou
Eu vim

Gás

Gás

Talvez um poema lhe saia do peito,
Talvez venha a nós, outrossim, do intestino.
Pra mim, o poema biscoito mais fino
É o tal que se faz, não aquele que é feito.

LOUCURA A DOIS

LOUCURA A DOIS

Pareciam felizes no retrato que decorava o criado-mudo. Talvez tenham sido por algum tempo. Clarice encontrara Manuel há dez anos.
[…]

Ápode – Da teoria da imparcialidade

Ápode – Da teoria da imparcialidade

Não faço perguntas ao léu
Por medo dos ditos que ouvi.
Qual sombras sinistras no céu,
Silêncios respondem por si.
[…]

O elefante, o balão e eu…

O elefante, o balão e eu…

Aquele elefante fumando cigarro
Cheio de desculpas
Amassando os carros
Com os pés – resolveu partir
Com ele, parte de mim
[…]