Jarbas Siebiger

Porto-alegrense, aquariano com ascendente em Virgem. Colorado, por opção. Não plantou, mas aprecia, deveras, as árvores. Em especial os cinamomos e os plátanos. Gerou um filho, Júlio César. Esparziu seus escrevinhados pelas redes. É fraco na poesia e a prosa é prolixa e soturna. Adora musas sorumbáticas. Não escreverá jamais um romance, tarefa que considera monótona e escravagista. Edita a Revista.

Anúncios