Deixe um comentário

Instinto

Seu instinto me intriga, mas me instiga a lhe amar intrinsecamente na mesma moeda com que me incita a memorizar tua mão, tua pele, teu toque, teu todo tudo.  excitação e expiação, no mesmo lado da cama, na mesma inspiração e respiração.

O meu instinto espira pelos meus poros e te respiram em suas entranhas, mas minha mente te expira o sono, espia seu sono e extingue os tormentos do futuro impróssimo.

Instintivamente insistimos na incisão das lembranças, e na inserção de novas recordações, exposições, explorações e exortações no coração dos ingênuos amantes, nossos.

Meu instinto cria vida, e dá valor a tal, por isso eu insto: te amo.

leoes

Anúncios

Seu comentário é bem-vindo!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: